O Trem da Serra da Mantiqueira em Passa Quatro

Share

Na semana passada tivemos um post sobre o passeio de trem entre Curitiba e Morretes. Hoje vamos falar de um outro passeio, o trem da Serra da Mantiqueira, um trem turístico cheio de história. É possível estar “sobre trilhos” em vários lugares deste país: o trem da Vale (que vai de Minas até o Espírito Santo), o trem de Campos do Jordão (SP), Passa Quatro (MG), São Lourenço (MG), Outro Preto a Mariana (MG), o trem do Pantanal (MS), Bento Gonçalves (RS), o bonde de Santos (SP), entre outros, além dos serviços regulares de passageiros, como os trens da CPTM em São Paulo, Rio de Janeiro e vários sistemas de metrô e VLT. Não são malhas extensas e muitos trens são só turísticos, mas talvez essa situação mude no futuro do Brasil. Vamos torcer 🙂

Fachada da estação de Passa Quatro, no centro da cidade.

Fachada da estação de Passa Quatro, no centro da cidade.

O que é

O trem da Serra da Mantiqueira em Passa Quatro (lembra do post sobre a cidade?) é uma atração mantida pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), que vem preservando ferrovias no Brasil desde 1977. Em Passa Quatro, o trem sai da estação central, no centro da cidade, e vai até a estação Coronel Fulgêncio, na entrada do túnel da Mantiqueira, que passa pela divisa dos estados de São Paulo e Minas Gerais.

O passeio dura cerca de 2h. Saindo da estação central, o trem passa pela estação Manacá, onde são vendidos artigos locais de artesanato. Depois disso, o trem sobe a serra e vai até a estação Coronel Fulgêncio, logo antes do Túnel da Mantiqueira. Nessa estação há um pequeno “museu” com fotos contando sobre a história da ferrovia. Um passeio a pé até o comecinho do túnel é feito e os guias contam sobre a história do local. Depois disso, o trem retorna (dando “ré”) para a estação de Passa Quatro. No futuro devem ser instalados giradores de trem na estação central e também na estação Coronel Fulgêncio, onde um dia isso já existiu, para o trem poder voltar no sentido normal.

O passeio é uma bela aula de história e recomendo para pessoas de todas as idades, incluindo jovens, pais com crianças e idosos. São dois vagões puxados pela locomotiva 332 da Baldwin, uma genuína locomotiva a vapor de 1925. Um violeiro anima o passeio, tocando suas músicas em um vagão na ida e no outro na volta. O caminho tem belas paisagens, incluindo casas isoladas da cidade, a serra, rios e muito verde.

Locomotiva 332 a vapor da Baldwin que puxa os dois vagões.

Locomotiva 332 a vapor da Baldwin que puxa os dois vagões.

A ferrovia

A ferrovia é a antiga “The Minas and Rio Railway Company”, inaugurada em 1884. Pelo que conversei com moradores locais, até algumas décadas atrás a ferrovia era a única maneira de se chegar na cidade. Infelizmente vários trechos dela estão sucateados: algumas estações estão abandonadas e quase destruídas. Pelo menos o trecho de Passa Quatro é muito bem cuidado, deixo meus parabéns à ABPF pelo bom trabalho.

O trecho por onde o trem passa foi cenário da Revolução Constitucionalista de 1932, sendo que o Túnel da Mantiqueira foi um dos lugares mais importantes da batalha, pois fica bem na divisa dos dois estados que estavam em conflito. Vários militares passaram pela cidade, incluindo Juscelino Kubitschek, médico das forças armadas durante o evento. Os monitores do passeio contam um pouco mais do evento ao chegar no túnel. A propósito, a estação Coronel Fulgêncio era chamada de Estação Túnel, e foi renomeada depois da morte do coronel durante a Revolução.

Chegando à estação Coronel Fulgêncio e pessoal na janela espiando.

Chegando à estação Coronel Fulgêncio.

Como reservar

É possível fazer a reserva diretamente na cidade, mas há algum risco de não haver mais vagas disponíveis. Por isso, recomendo ligar antes para reservar o passeio. O passeio custa R$45,00 (informações retiradas do site, mas podem estar desatualizadas). Apesar de caro, acho que vale a pena, pois o dinheiro não vai apenas para o passeio, mas também para toda manutenção dos trilhos e das estações.

Site oficial: http://abpfsuldeminas.com/ (informações do Trem das Águas de São Lourenço estão no mesmo site)

Página do site com informações específicas do Trem da Serra da Mantiqueira: http://abpfsuldeminas.com/trem-da-serra-da-mantiqueira/

Telefone: (35) 33712167

E-mail: suldeminas@abpf.com.br

Endereço da Estação em Passa Quatro: Rua Arlindo Luis 270 – Centro, Passa Quatro – MG, 37460-970

Funcionamento: saídas aos sábados e domingos as 10:00h, saídas aos sábados as 14:30h (confirmar antes, não sai todos sábados nesse horário). Em feriados pode haver viagens extras, informações no site e também por telefone.

Dicas

Eu fui para Passa Quatro e amei a cidade. Até hoje tenho ótimas lembranças desse passeio de trem, dos trilhos da ferrovia cruzando a cidade, da estação e tudo relacionado. Então, recomendo 100% o passeio e, para aprimorar a experiência, dou algumas dicas:

  • Aproveite para visitar o “Brasil Nota 10”, praticamente “colado” na estação central, que é uma exposição de miniaturas, com várias maquetes de eventos históricos do Brasil;
  • Conheça o centro de Passa Quatro;
  • Leve sua câmera fotográfica;
  • Na volta, aproveite para almoçar em algum restaurante próximo (dicas de alguns nesse post);
  • Se achar as lembranças do trem caras, procure no centro: há algumas lojas de lembranças com itens sobre a cidade, como imãs de geladeira, cartões postais, camisetas, entre outros (recomendo a loja Minas de Minas, é fácil de achar pois o centro é bem pequeno).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *